top of page

Clodomir Luiz Ascari toma posse como presidente do Crea-PR

Quatro secretários estaduais e presidentes de conselhos de outros estados prestigiaram a posse do novo presidente do Crea-PR

O engenheiro agrônomo Clodomir Luiz Ascari foi empossado como presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR) para o mandato de 2024-2026. A cerimônia ocorreu no Auditório Caio Amaral Gruber na sede da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep). No mesmo evento, ocorreu a posse dos novos diretores da Mútua-PR e dos conselheiros, marcando a renovação do Terço do Colegiado para 2024. A posse contou com a participação de 4 secretários de estados e dezenas de autoridades, engenheiros, agrônomos e familiares dos empossados.

Durante seu discurso de posse, Clodomir Ascari deu destaque para a importância e a onipresença da engenharia no dia a dia, mencionando que o Crea-PR engloba 138 títulos profissionais. Ele ressalta a conexão profunda da engenharia com o cotidiano de cada paranaense.

“Estamos constantemente em contato com diversas formas de engenharia, incluindo a comunicação 5G, engenharia rodoviária e de tráfego, aeronáutica, automotiva, sistemas de elevadores, infraestrutura residencial e produção de alimentos. Ao final do dia, retornamos a construções planejadas e executadas com habilidade. Dessa forma, nossa vida é diretamente influenciada pela segurança e qualidade oferecidas pela engenharia, melhorando a vida de toda a sociedade”, discorreu.

Presente na cerimônia, O secretário de Planejamento do Paraná, Guto Silva, discorreu sobre a importância das engenharias, agronomia e geociências, no contexto do desenvolvimento e crescimento, especialmente no Paraná, que, segundo ele, teve um crescimento de 9% no último semestre.

“Engenharia para licenciar, engenharia para projetar, engenharia para as mais diferenciadas aplicações, porque o Paraná avança muito forte, com uma política muito clara de geração de oportunidades de emprego”, disse.

Representando o governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Júnior na solenidade de posse, o secretário de Agricultura e Abastecimento, Norberto Ortigara, enfatizou a importância do Paraná, especialmente no setor de alimentos e fibras, onde o estado é referência. Ortigara atribuiu esse sucesso aos esforços dos engenheiros paranaenses, incluindo agrônomos e profissionais de outras áreas, que têm sido fundamentais para colocar o Paraná na vanguarda do desenvolvimento.

“O Paraná se destaca em diversos aspectos, conforme apontado pelo Vermelho, notadamente no setor de alimentos e fibras, onde somos uma referência. Uma ampla gama de produtos e inovações são geradas, criadas e disseminadas globalmente, graças aos esforços dos engenheiros paranaenses, que incluem agrônomos e profissionais de outras áreas. Essa contribuição tem sido crucial para construir e moldar nossa capacidade de estar na vanguarda do desenvolvimento”, destacou.

Já o secretário de Indústria, Comércio e Serviços do Estado do Paraná, Ricardo Barros falou sobre a importância da engenharia diante dos desafios como mudanças climáticas e os desafios logísticos do Estado do Paraná.

“É essencial agirmos diante do aumento das mudanças climáticas e das frequentes interrupções na descida da serra, para assegurar que o porto do Paranaguá continue operando sem interrupções causadas por esses problemas recorrentes”, especificou.

Ricardo na SETI

Aproveitando seu discurso na posse do novo presidente do Crea-PR, o secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná, Aldo Nelson Bona, anunciou que o ex-presidente do conselho, Ricardo Rocha, vai trabalhar na pasta, com o desfio de coordenar o Projetek, que são escritórios de projetos de Engenharia nas universidades estaduais do Paraná.

“O Ricardo também terá o desfio de fazer a articulação com a academia para sintonizar os currículos dos cursos de engenharia disponíveis no Estado do Paraná com as demandas atuais do mercado”, antecipou o secretário Aldo.

Mútua-PR

Edson Dalla Vecchia e Ronald Peixoto Drabik, os escolhidos para a Mútua-PR, desempenharão, respectivamente, os cargos de Diretor Geral e Diretor Administrativo, juntamente com o Engenheiro Nilton Prado, que assumirá a função de Diretor Financeiro. A Mútua, uma entidade civil, oferece benefícios sociais, previdenciários e assistenciais aos seus associados.

Dalla Vecchia destacou o desafio de tornar a organização mais conhecida entre os 75 mil engenheiros do Paraná. Ele observou que muitos profissionais, especialmente em cidades menores e com mais tempo de formação, ainda desconhecem a Mútua.

“E quanto mais sócios nós tivermos, mais volume financeiro nós vamos ter para poder passar para os nossos profissionais”, pontuou o novo diretor geral da Mútua-PR.

Presenças

Também compareceram à cerimônia de posse de Cloromir Ascari como novo presidente do Crea-PR, Ricardo Rocha de Oliveira, ex-presidente do Crea-PR, o Conselheiro do Tribunal de Contas do Paraná, Augustinho Zucchi, o deputado federal Nelsi Cogueto Maria, o “Vermelho”, o deptuado estadual Fábio Oliveira, presidente da Frente Parlamentar da Engenharia da Assembleia Legislativa do Paraná, e o presidente da Ocepar, José Roberto Ricken, e o presidente nacional da Mutua, Francisco Almeida.


Posse da Mútua-PR

O presidente do Crea-PR Eng. Clodomir Ascari e o presidente da Mútua nacional, Eng. Francisco Almeida, entregaram aos novos diretores da Mútua-PR os termos de posse. São eles o Eng. Eletric. Edson Luiz Dalla Vecchia, diretor geral, o Eng. Civ. Ronald Peixoto Drabik, diretor administrativo, e o Eng. Civil Nilton Batista Prado, diretor financeiro.

Dalla Vecchia destacou que “reconhecemos tudo que a Mutua já conquistou e nossa proposição é continuar com o que está sendo feito e tem bom resultado e ampliar o máximo possível os benefícios aos nossos associados, além de trabalhar na expansão da Mútua para o interior do nosso estado”.


Posse dos novos conselheiros titulares e suplentes

As conselheiras e conselheiros que assumem agora seus mandatos dedicarão seu tempo e conhecimento para a defesa e fortalecimento das profissões das Engenharias, da Agronomia e das Geociências. Eles combaterão o exercício leigo das profissões, dedicando-se intensamente no julgamento de processos, na participação em reuniões de suas respectivas Câmaras Especializadas, em comissões permanentes e temporárias, grupos de trabalho e no plenário, além de apreciar assuntos ligados à fiscalização e ao aprimoramento do exercício profissional.

Além disso, atuarão como defensores do código de ética profissional, sendo responsáveis por julgar eventual desvio de conduta, assim como os pedidos de registro de profissionais e empresas, entidades de classe e instituições de ensino.

Os empossados de hoje representam 24 instituições de ensino com 44 vagas e 65 entidades de classe de nível superior com 107 vagas. Simbolicamente subiram ao palco dois conselheiros por Câmara para receberem os termos de posse.

A conselheira Eng. Agr. Sandra Cabel se pronunciou, representando todos os conselheiros. “A responsabilidade que assumimos é imensa, somos guardiões da ética e do profissionalismo. Ao ingressar neste conselho nos tornamos parte integrante de um grupo de conhecimento técnico de qualidade. Nossa jornada será marcada por desafios e por conquistas que sempre são muito significativas, que sejamos capazes de ver mudanças no Conselho e na sociedade”.

Representando um agradecimento aos familiares, o presidente Clodomir e sua esposa Luciana Ascari homenagearam o ex-presidente Ricardo Rocha e sua esposa Ana Maria Santana.


Presenças

Prestigiaram a solenidade de posse os presidentes de Creas Nanci Walter (RS) e Kita Xavier (SC), além do Ulisses Filho, ex-presidente do Crea-PI. Também André Gonçalves, presidente da Ferroeste, Engenheiro Químico Celso Kloss, presidente da Tecpar, Tangriani Assmann, vice-reitora da UTFPR, além de presidentes de entidades de classe.


Fonte: CREA-PR

Comments


bottom of page