Suspeito de envolvimento na morte de diretor da prefeitura é preso

Jovem confessou que é dono do veículo que aparece nas imagens, porém revelou que emprestou o carro para “conhecidos de vista”; homem não soube informar a identificação dos suspeitos


Foto: Reprodução


A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu um dos suspeitos de envolvimento na morte do diretor do Departamento de Pontes e Drenagem, da Secretaria Municipal de Obras Públicas, Augusto Meyer Neto. O rapaz preso, identificado como Hermes da Motta, foi apontado como o responsável por dirigir o veículo no momento do crime, que aconteceu no dia 29 de maio.


Com um mandado de prisão em aberto, Hermes foi preso na última sexta-feira (10). O suspeito se apresentou na delegacia acompanhado de um advogado e negou envolvimento com o crime. O rapaz chegou a assumir que era o responsável pelo veículo, entretanto, destacou que na noite do crime havia emprestado o carro para outras pessoas.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE:


“Não tenho nada a ver com isso, não sou eu […] Na verdade eu emprestei o carro. Se eu soubesse que eles iriam fazer isso, eu jamais teria emprestado. Só conheço de vista. Emprestei pois não tenho porque negar”, declarou Hermes.


O advogado do suspeito, Benelson Scremim Rodrigues, contou que aguarda a conclusão do inquérito e não irá se pronunciar no momento. Com a prisão do suspeito, membros da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículo (DFRV) esperam avançar na investigação e identificar outros envolvidos.



PUBLICIDADE:


PUBLICIDADE:




PUBLICIDADE: