top of page

Pesquisa da Secretaria do Turismo já mapeou dados de 3 mil pessoas no Litoral do Paraná

Mais de 3 mil pessoas que visitam o Paraná já responderam a pesquisa que o Governo do Estado realiza, por meio da Secretaria do Turismo (Setu), nas estradas e terminais rodoviários, ferroviários e náuticos na região do Litoral. O trabalho começou dia 5 de janeiro e segue até 28.

O objetivo é conhecer o perfil dos turistas e dimensionar a receita gerada para os municípios com a atividade. Os turistas são convidados a dar informações sobre a estadia nas praias, média de gastos e motivos da viagem. Com no máximo cinco minutos de duração, o levantamento também tem questões relacionadas ao local escolhido para hospedagem, quais pontos foram visitados e o sinal das operadoras telefônicas.

O secretário do Turismo do Paraná, Márcio Nunes, destaca que a iniciativa é importante para o Estado. "Conhecer a percepção e a experiência do turista, a opinião sobre o que pode ser melhorado, é fundamental para planejamento de políticas públicas, de novos projetos e iniciativas voltadas ao setor”, afirma.

Para o sargento Ricardo Wons dos Santos, comandante do posto rodoviário da Estrada da Graciosa, os turistas estão se engajando na iniciativa. "Aqui na estrada, por ser um caminho turístico bem movimentado, esse trabalho é importante para identificar a opinião dos viajantes", disse.

O levantamento conta com apoio da Adetur Litoral (Agência de Desenvolvimento Cultural e do Turismo Sustentável), prefeituras municipais, Polícia Rodoviária Estadual e Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR).

As respostas serão compiladas no Sistema de Inteligência Turística (SiTU), plataforma lançada pela Secretaria de Turismo, em 2023. A divulgação dos resultados deve ocorrer a partir de fevereiro.

Sarah Minasi, turismóloga da Secretaria, explica que a análise desta lista de dados é valiosa para profissionais de turismo, imprensa e interessados em compreender um pouco mais sobre o que os viajantes pensam após visitarem o Litoral. "Com o questionário, conseguimos dar apoio às ações dos municípios e do próprio Estado. Há mais de 10 anos uma pesquisa como essa não é feita, então é muito importante, principalmente pelo número de visitantes que ela alcança", disse.

Saiba quais são os pontos de realização da pesquisa turística:

- PR 412: Posto Coroados ,

- PR 508: Posto Alexandra-Matinhos

- PR 407: Posto Pontal do Paraná

- PR 410: Posto Portal da Graciosa

- PR 408:  Morretes (Barreira Temporária)

- Paranaguá: Rodoviária e Terminal de Desembarque

- Rodoviárias de Matinhos, Pontal do Paraná, Pontal do Sul, Guaratuba, Morretes, Antonina e Paranaguá

OUTRA PESQUISA – Além disso, outra pesquisa também está sendo realizada diretamente nos municípios Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná, Antonina, Morretes e Paranaguá, além das praias de água doce do Noroeste, dentro da programação do Verão Maior Paraná. Neste caso, a coleta de informações vai até 4 de fevereiro. Os turistas recebem orientações sobre atrativos das regiões e também respondem espontaneamente sobre a viagem.

VERÃO MAIOR PARANÁ – O Verão Maior Paraná reúne uma série de ações voltadas aos veranistas e moradores dos municípios do Litoral, além de Porto Rico e São Pedro do Paraná, no Noroeste. São atividades esportivas e de lazer que englobam aulas de ginástica, dança, caminhadas, recreação infantil, shows, torneios e competições nacionais e internacionais, programação inclusiva e educação ambiental. A agenda completa pode ser consultada no site: www.verao.pr.gov.br


Fonte: Agência Estadual de notícias

bottom of page