FGTS: saque extraordinário de até R$ 1 mil começa esta semana; veja quem tem direito

Crédito dos valores será realizado por meio de conta poupança social digital, Caixa Tem, no dia 20 de abril para os nascidos em janeiro. Os saques serão permitidos até 15 de dezembro. Confira o calendário




Trabalhadores nascidos em janeiro poderão, a partir desta quarta-feira (20), fazer o saque extraordinário de até R$ 1 mil do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Desde o último dia 8 os trabalhadores podem consultar se têm direito ao benefício – além de valores e datas para receber o dinheiro. As consultas podem ser feitas pelo site da Caixa, por uma versão atualizada do aplicativo FGTS e nas agências da Caixa Econômica Federal (CEF). LEIA MAIS:

  • Veja tira dúvidas sobre os saques de até R$ 1 mil do FGTS

  • Governo anuncia antecipação do 13º de aposentados do INSS e saque de R$ 1 mil do FGTS

  • Empréstimo consignado: margem volta a subir para 40% para beneficiários do INSS

  • FGTS: quem tem direito, quando pode sacar, qual o rendimento? Entenda

Na consulta pelo site do FGTS, é possível saber:

  • se o trabalhador tem direito ao Saque Extraordinário do FGTS;

  • consultar a data de crédito na Conta Poupança Social Digital.


Já pelo aplicativo FGTS e nas agências da Caixa, é possível:

  • consultar o valor a ser creditado;

  • consultar a data de crédito na Conta Poupança Social Digital;

  • informar que não quer receber o crédito do valor;

  • solicitar o retorno do valor creditado para a conta FGTS;

  • alteração cadastral para criação de Conta Poupança Social Digital.


O dinheiro das contas do fundo – um direito do trabalhador com carteira assinada – só pode ser sacado, em geral, em situações específicas, como na demissão sem justa causa, na compra da casa própria ou na aposentadoria. Mas, no último mês, o governo publicou Medida Provisória liberando o saque extraordinário.

No site da Caixa, é preciso informar o NIS (PIS/Pasep), que pode ser consultado na carteira de trabalho ou em algum extrato antigo que o trabalhador tenha, e usar uma senha cadastrada pelo próprio trabalhador. É possível usar ainda a Senha Cidadão. A página oferece a opção de recuperar a senha, mas é preciso informar o NIS. Clique aqui e veja como consultar o número do PIS/NIS.


Já o aplicativo pode ser baixado nos seguintes links:

  • Celulares Android (clique aqui para baixar)

  • Celulares iOs - Apple (clique aqui para baixar)


De acordo com a Caixa Econômica Federal, cerca de R$ 30 bilhões serão liberados para aproximadamente 42 milhões de trabalhadores com direito ao saque.

O pagamento começa no dia 20 de abril e vai até 15 de junho, de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. Os primeiros a receber serão os nascidos em janeiro, a partir de 20 de abril. A retirada será possível até o dia 15 de dezembro.

O governo federal divulgou o seguinte calendário, dividido por mês de nascimento: