ARTISTAS E EQUIPE SE DESPEDEM DE ALEKSANDRO: “PARECE QUE É MENTIRA”, DIZ CONRADO

Conrado Bardi foi o primeiro parceiro de Aleksandro; O corpo do artista foi sepultado em Londrina, na manhã desta segunda-feira (9)


Artistas, família e colegas de trabalho se reuniram em Londrina, norte do Paraná, para a despedida de Luiz Aleksandro Talhari Correia, de 34 anos. O músico morreu em um acidente de ônibus, na manhã de sábado (7). Entre as pessoas que expressaram a dor da perda do sertanejo, está Conrado Bardi de Jesus Bueno, primeiro parceiro de dupla de Aleksandro.


Em entrevista à RICtv Londrina, Conrado se emocionou ao falar sobre o companheiro de carreira. Os dois se conheciam há 15 anos e gravaram o primeiro CD em 2009, chamado de “Anjo Querido”.

“Para mim, a ficha não caiu. Não caiu totalmente, não. […] É inacreditável. Parece que é mentira. Tenho certeza, na minha cabeça que daqui a pouco ele está aí, cantando de novo”, emocionado, Conrado diz à repórter Ana Contato.

Conrado Bardi decidiu encerrar a carreira em 2019 para se dedicar à família. Quem assumiu seu lugar foi João Vitor Moreira Sales, que continuou com o nome “Conrado”, marca registrada da dupla. João também estava no ônibus e foi resgatado com vida. Ele está internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional de Registro, no interior de São Paulo.

por: portal ricmais



foto: Reprodução